12 resoluções de ano novo que te ajudam a viver mais de acordo com os canadenses

Posted by

Hello there!

Neste post vou compartilhar com vocês algumas dicas consideradas muito úteis pelos canadenses para que você se mantenha jovem e saudável no próximo ano.

Comece a usar fio dental

Sério, escovar não é suficiente. Veja como provar você mesmo – coma um pouco de pipoca e escove os dentes. Acha que removeu todas as partículas? Pegue um pouco de fio dental e passe em cada dente. Você perdeu alguns pontos ao escovar? Pense nessas partículas, dia após dia, apodrecendo entre seus dentes e gengivas. Essas bactérias inflamam sua gengiva, a qual pode se desprender do dente, causando muitos problemas sérios. Além da potencial perda óssea e dentária, seu coração pagará o preço à medida que a bactéria chegar às suas artérias, causando placas e mais inflamações que causam o estreitamento das artérias. O gerontologista Dr. Michael Roizen disse em uma entrevista à revista Reader’s Digest que o uso do fio dental diário pode adicionar 6,4 anos à sua vida.

Tire uma selfie do seu corpo todo mês

As senhas em smartphones são irritantes, mas se isso é o que é preciso para armazenar fotos do seu corpo em seu celular e salvar sua vida, vale a pena. O melanoma mata mais de 9.000 pessoas a cada ano, de acordo com a Fundação do Câncer de Pele, e uma maneira infalível de diminuir o risco é fazer uma autoavaliação mensal para ver se há novas manchas ou manchas que mudam de aparência. É por isso que uma selfie mensal é essencial. Quem pode se lembrar de mês a mês se uma verruga mudou de aparência ou se a lesão que você notou no mês passado cresceu ou desapareceu?

Adote um cãozinho

Se você está pesando os prós e os contras sobre adotar um animal de estimação, talvez queira decidir fazê-lo este ano porque um bichinho de estimação pode ajudá-lo a viver mais. Um estudo mostrou que os donos de cães têm um risco 15% menor de morte causada por doenças cardiovasculares do que os que não são donos de cães. (A pesquisa foi realizada em um período de 11 anos com suecos com idades entre 40 e 80 anos sem histórico de doenças cardiovasculares.) Como você provavelmente pode imaginar, não era apenas o fator fofura que ajudava a manter um coração saudável.

Faça novas amizades

Quer manter sua inteligência aguçada à medida que envelhece? Então, tente fazer mais amigos este ano. E não, não queremos dizer mais amigos no Facebook e conexões no Instagram, mas relacionamentos pessoais autênticos. O fato de manter relacionamentos para toda a vida gera muitos benefícios à saúde. Os cientistas pediram aos super-agers (pessoas na casa dos 80 anos com a agilidade mental de uma pessoa de 50 a 60 anos) e os não super-agers (na média para a idade) que completassem um questionário sobre seu bem-estar psicológico. A diferença convincente entre os dois grupos é que os super-agers tinham níveis mais altos de relacionamentos sociais positivos do que os não super-agers.

Pare de comer na pia da cozinha

O pesquisador e jornalista da National Geographic Dan Buettner sabe o segredo de por que as pessoas que vivem na “Zona Azul” vivem mais. (“Zona Azul” refere-se a partes do mundo onde os cientistas identificaram como tendo residentes anormalmente longevos. A extensa pesquisa de Buettner inclui Sardenha, Itália; Okinawa, Japão; Ikaria, Grécia; Península de Nicoya, Costa Rica; e Loma Linda, Califórnia. ) Uma característica específica entre os residentes de longa data da Sardenha e Ikaria é que eles jantam sem pressa, aproveitando a comida e as conversas com amigos e família por completo. Eles também tomam pequenos copos de vinho diariamente. Basicamente, praticam uma alimentação consciente, uma resolução que trará benefícios imediatos e de longo prazo para você.

Tenha um pouco de fé

A que Kane Tanaka, de 115 anos, atribui sua longevidade? Seu sobrinho Gary Funakoshi disse ao San Diego Union-Tribune que é sua fé em Deus. E um estudo publicado na PLOS one revela que ela pode estar no caminho certo. Mas isso não significa que você tenha que se filiar a uma igreja em janeiro, porque não são necessariamente os sermões que nos ajudam a viver até uma idade avançada. Os autores do estudo apontam para os efeitos que a freqüência à igreja tem sobre a mortalidade. Por exemplo, coisas como compaixão, respeito, caridade, meditação da humildade e interconexão com outras pessoas são todos benefícios atribuídos a práticas religiosas.

Marque uma consulta para fazer este exame

Se você está fazendo 50 anos este ano e não fez um exame de cólon, deve colocá-lo em sua lista. Teste fecal, sigmoidoscopia flexível e colonoscopia são três exames que contribuíram para uma queda de 52% nas mortes por câncer de cólon. Um estudo publicado na revista Gastroenterology manteve o controle sobre o alcance massivo da Kaiser Permanente (um consórcio americano de gestão integrada, com sede em Oakland, Califórnia) que começou em 2006 para que seus pacientes fossem examinados para câncer de cólon. No geral, os pacientes da Kaiser Permanente têm agora 28% menos probabilidade de morrer de câncer de cólon do que os pacientes em todo o país.

Comece a beber chá verde

Mais de 40.000 japoneses adultos com idades entre 40 e 79 anos foramacompanhados por 11 anos para investigar a associação entre beber chá verde e mortalidade associada a doenças cardíacas e derrame. Os resultados, publicados no JAMA, revelaram que pessoas que bebiam cinco xícaras ou mais por dia tinham menos probabilidade de morrer de doenças cardíacas e derrame durante o estudo. Na verdade, 31% das mulheres e 22% dos homens tinham menos probabilidade de morrer de doenças cardíacas e 42% das mulheres e 35% dos homens tinham menos probabilidade de morrer de derrame.

Encontre um parceiro para praticar atividades físicas

Sabemos que o exercício é um fator essencial quando se trata de viver uma vida mais longa, mas é chato quando você tem que fazer isso sozinho, e quando o exercício é algo que não nos agrada, encontramos outra coisa para fazer, como assistir TV. Os pesquisadores descobriram uma correlação interessante entre esportes sociais e longevidade. Um estudo na Mayo Clinic Proceedings mostrou que os esportes coletivos acrescentaram anos à sua vida. Cerca de 8.500 adultos foram acompanhados por até 25 anos e solicitados a citar sua principal forma de exercício. As respostas apontaram os esportes sociais como fatores que aumentam a expectativa de vida. O tênis rendeu 9,7 anos, o badminton serviu mais 6,2 anos e o futebol marcou 4,7 anos a mais.

Se você tem um parente imediato com diabetes, faça isso

De acordo com a Diabetes Canada, pouco mais de um por cento da população adulta canadense vive com diabetes não diagnosticado. O diabetes pode surgir sorrateiramente e, se não for controlado, contribui para doenças cardíacas, renais, cegueira e amputações. Se você tem um parente imediato com diabetes, a AHA recomenda o teste, que geralmente é um teste simples de glicose em jejum para verificar o açúcar no sangue. Independentemente de ser um parente imediato com diabetes, se você tiver histórico de doenças cardíacas, pressão alta ou colesterol, síndrome dos ovários policísticos ou sedentarismo, faça um teste de açúcar no sangue.

Qual é a característica comum entre as pessoas mais velhas do mundo?

Pesquisadores curiosos conduziram um estudo de traços psicológicos positivos para descobrir este mistério. Eles entrevistaram um grupo de italianos da zona rural de 90 a 101 anos e seus filhos e parentes. Escalas de avaliação para fatores como bem-estar físico, otimismo, ansiedade, depressão e resiliência foram usadas. Além disso, foram feitas entrevistas com os idosos e seus familiares para reunir suas narrativas sobre coisas como suas crenças, eventos traumáticos e migrações. Os pesquisadores também obtiveram impressões de membros da família sobre os traços de personalidade de seus parentes mais velhos. Sua longa velhice se devia em parte aos estreitos laços familiares, à religião, a uma vida com propósito e à capacidade de sorrir e ter, quando necessário, uma atitude positiva.

Pare de trabalhar na hora certa

Seu parceiro lhe diz o tempo todo que você trabalha muito, mas você ignora sabendo que, se dedicar muitas horas agora, terá uma recompensa no futuro. Mas será? O American Journal of Epidemiology sugere que há um aumento colossal de 40% no risco de doença coronariana entre aqueles que trabalham 50 horas ou mais por semana. Outro estudo revelou que aqueles que trabalharam mais de 60 por semana durante 30 anos triplicaram o risco de doenças cardíacas, câncer, diabetes e artrite.

Agora me conta, quais são as suas resoluções para manter-se saudável no próximo ano? Compartilhe com a gente!

See you next time!

Fonte: Reader’s Digest

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s